DIREITOS GARANTIDOS: encerramento das oficinas

O Instituto Céu Aberto, na festa de encerramento, apresentou suas oficinas com danças, teatro, declamação de poema e muito mais.
Na presença dos pais ou responsáveis, as crianças assistidas pelo Instituto Céu Aberto se apresentaram. As  apresentações emocionaram a todos que se fizeram presentes, carregado de muita emoção, as crianças da oficina de ballet e de Hip Hop, trouxeram várias apresentações, cada passo feito por elas nos inspiravam a refletir a dedicação de toda a equipe do Instituto junto dessas crianças e adolescentes durante o ano.
A tarde também foi marcada pela apresentação do grupo de capoeira do Instituto, com a dança Maculelê, uma dança indígena muito utilizada entre os capoeiristas nas décadas passadas.
A declamação de poema, ficou por conta da menina Natália Costa, leitora assídua da Biblioteca Professora Mariquinha do Instituto Céu Aberto, ela declamou o poema " O  Bem Que o Instituto me Faz", um poema que faz menção ao trabalho do Instituto ofertado as crianças e adolescentes do Distrito.
Na ocasião, foi entregue os certificados aos alunos que concluíram o curso de informática (curso básico e avançado).
Tivemos também, apresentações de teatro, com contos infantis clássicos.
É com muita satisfação, que o Instituto Céu Aberto, oferta as crianças e adolescentes do Distrito atividades que proporcionam a elas seus direitos garantidos efetivamente tornando-as assim indivíduos com oportunidades igualitárias.
O Instituto agradece a todos os parceiros envolvidos para que essas atividades se realizem em prol do bem comum.